Buscar

O que são Miomas?

Atualizado: Out 28


Miomas são tumores benignos que afetam apenas as mulheres, uma vez que estes tumores compostos por tecidos muscular e fibroso se desenvolvem no útero.


Estes tumores costumam se desenvolver em mulheres em idade próxima aos 40-45 anos, e o sobrepeso é um fator contribuinte para o aparecimento deles. Você já ouviu relatos de pessoas que precisaram remover o útero? Os miomas podem ter sido a causa desse acontecimento.


Os tumores podem ser muito pequenos ou muito grandes, e há diferentes tipos deles, a depender da região do útero afetada:


  • Subseroso: Quando o tumor se desenvolve na superfície externa do útero;

  • Intramurais: Quando o tumor se desenvolve na parede do útero;

  • Submucoso: Quando o tumor se desenvolve na cavidade endometrial;

  • Pendiculado: Quando o tumor se desenvolve na superfície externa do útero, ligado ao mesmo por uma haste;

  • Em parturição: Quando o tumor se desenvolve no canal cervical;

  • Intraligamentar: Quando o tumor se desenvolve entre as tubas uterinas, ligamento ovariano e corpo uterino.


Causas


Não se sabe ao certo a causa que leva ao desenvolvimento de Miomas, mas estudos apontam que os hormônios estrógeno e progesterona, assim como mutações genéticas contribuem de alguma forma para o aparecimento e desenvolvimento deles.


Duas curiosidades são que os Miomas são mais recorrentes em mulheres negras e apenas 1% dos casos evoluem para tumores cancerígenos.


Sintomas


Os sintomas vão depender das dimensões dos tumores, da quantidade (é comum mulheres desenvolverem mais de um mioma) e da localização destes no útero.


Miomas pequenos costumam ser assintomáticos e não causar problemas.


Em caso de sintomas, os principais são:


  • Aumento considerável do tempo e intensidade do sangramento menstrual;

  • Anemia (causada pela perda de sangue no período menstrual);

  • Prisão de ventre;

  • Dor pélvica;

  • Abortos prematuros;

  • Partos prematuros;

  • Infertilidade;

  • Hemorragia após o parto;

  • Necessidade excessiva de urinar e desconforto na região gastrointestinal;

  • Aumento do volume do abdômen.


Os miomas podem chegar a pressionar a bexiga, causado a necessidade de urinar com mais frequência ou urgência. Podem também pressionar o reto, causando desconforto e dificuldade de evacuar.


A infertilidade pode ser causada pelos miomas quando estes bloqueiam as trompas de falópio ou alteram o formato do útero, além disso, os tumores do tipo submucoso podem ocupar o lugar de desenvolvimento do embrião, podendo causar o aborto espontâneo ou o parto prematuro.


Alguns miomas podem ser assintomáticos.


Diagnóstico


O diagnóstico é feito através de:


  • Levantamento do histórico da paciente;

  • Exame pélvico;

  • Exames de imagem (Ultrassonografia transvaginal e histerossonografia).


No caso de os resultados destes exames não serem claros, pode ser solicitada uma ressonância magnética, o que permite uma maior exibição de detalhes.


Tratamento:


Caso os miomas sejam assintomáticos e não causem problemas, não é necessário iniciar um tratamento, em seu lugar, é feito um monitoramento periódico dos miomas, isto é, o acompanhamento médico para averiguar se os miomas estão evoluindo ou não, assim como se continuam assintomáticos ou se a paciente apresenta algum sintoma.


Os casos que precisam de tratamento podem envolver medicamentos para reduzir os sintomas, medicamentos causem como consequência a diminuição dos miomas, cirurgia para a remoção dos miomas, ou do útero por completo, ou procedimentos médicos para a destruição do tumor.


O tipo de tratamento irá ser definido de acordo com a análise médica, levando em consideração diversos fatores como a gravidade, tamanho, quantidade de tumores, regiões afetadas, e o desejo ou não da paciente de engravidar.


Existe uma técnica moderna conhecida como embolização da artéria uterina, que consiste em inserir partículas sintéticas nas artérias uterinas que nutrem o mioma através de uma incisão em uma área da coxa. Uma vez que estas artérias ficam bloqueadas, o mioma morre pelo não recebimento do fluxo sanguíneo e diminui de tamanho.


Embora não haja medidas de prevenções específicas contra os miomas, sabemos que o sobrepeso é um fator aliado ao tumor, assim, é importante manter uma alimentação adequada, assim como praticar atividades físicas, essas atitudes são sempre benéficas e ajudam a prevenir diversas doenças, principalmente cardiovasculares.


Ah, e não se esqueça de manter os exames de rotina, muitos quadros de miomas são detectados a partir deles.


Fontes: Dr. Drauzio Varella, Manual MSD



#CuidamosDissoPraVocê



O que é Apendicite?


"...O problema ocorre quando este pequeno órgão tem sua parte interior, também chamada de Luz, obstruída, causando assim uma inflamação aguda de classificação muito grave. Essa obstrução pode ser causada por um pedaço de fezes, por hiperplasia linfoide, pequenos vermes ou outros corpos estranhos, e ainda infecções virais...."

Ler Mais

Entenda sobre o Lúpus

"...O Lúpus é uma doença rara, inflamatória e autoimune (nome dado quando os anticorpos produzidos pelo sistema imunológico da pessoa atacam os próprios tecidos do corpo por engano). A causa do Lúpus ainda não é clara, porém, estudos indicam que a pré-disposição genética, a exposição a raios ultravioleta, o uso de certos tipos de medicamentos (tais como hidralazina, procainamida, e isoniazida)..."

Ler Mais

13 visualizações
  • social_media-03
  • social_media-01
  • social_media-02

R. Eng. Ubaldo Gomes de Matos, 53 - Sala 31

Edf. Dormar - Santo Antônio, Recife - PE

50010-907

.

.

© 2020 3W Holding . Todos os direitos reservados

3W Corretora de Seguros LTDA ME   -   CNPJ:21.275.212/0001-51

____

Empresa Certificada

Eleita uma das 10 melhores Corretoras de Seguros do Brasil em 2018 pela Extramed Administradora de Benefícios