Buscar

Qual é a Função de Cada Vitamina?



As vitaminas são nutrientes essenciais para o bom funcionamento do organismo, têm participação no processo metabólico celular e ainda promovem o fortalecimento do sistema imunológico, além de outros benefícios.


A ausência das vitaminas ou a presença delas no organismo em uma quantidade inferior à quantidade necessária tende a causar problemas de saúdes tais como problemas de visão, cardiovasculares e até mesmo problemas neurológicos. A falta de vitamina C, por exemplo, pode causar cansaço, irritabilidade e tontura, assim como perda de peso e dores nas articulações. Em uma situação mais grave de ausência de vitamina C (também conhecida como escorbuto) ocorrem hematomas, hemorragias subcutâneas, problemas nos dentes, gengivas, pele e cabelo, assim como anemia, uma maior facilidade para contrair infecções e uma maior dificuldade na cicatrização de ferimentos.

Se a deficiência de uma única vitamina já causa problemas significativos, imagine só a deficiência de duas ou mais delas? Uma boa notícia é que a quantidade necessária dessas vitaminas para o corpo humano está presente nos alimentos que consumimos, principalmente frutas, ou seja, alimentos frescos, e também em alimentos de origem animal e vegetal.

Curiosidade: Em alguns casos, pode ser identificada a deficiência temporária de determinada vitamina no organismo e, para suprir essa necessidade, além dos alimentos, são prescritos comprimidos que contém a vitamina. Este tipo de ingestão de vitaminas deve ser feito apenas quando há indicação médica, para evitar que haja uma sobrecarga de determinada vitamina no organismo, o que também pode ocasionar problemas de saúde.


As vitaminas podem ser classificadas em lipossolúveis, que são as vitaminas solúveis em gordura e são mais dificilmente removidas ou excretadas do organismo. As vitaminas lipossolúveis são:


  • Vitamina A;

  • Vitamina D;

  • Vitamina E;

  • Vitamina K.


E também em hidrossolúveis, que são aquelas vitaminas solúveis em água e que são mais facilmente eliminadas pelo organismo, principalmente através da urina. As vitaminas hidrossolúveis são:


  • Vitamina C;

  • Vitaminas do complexo B.


Neste artigo iremos abordar sobre as funções de cada vitamina e sobre as consequências da deficiência delas individualmente no organismo.


Vitamina A (Retinol):


A vitamina A é bastante conhecida por seus benefícios à visão, mas, além disso, também trás benefícios a outros órgãos tais como boca, nariz e estômago, e ao revestimento dos pulmões, trato urinário e intestino.


Esta vitamina é necessária para o funcionamento adequado das células nervosas sensíveis à luz que estão presentes na retina dos olhos. Por este motivo e por ajudar na proteção da córnea por meio da produção de lágrimas, a vitamina é conhecida como sendo benéfica principalmente à visão.


A vitamina atua na prevenção de infecções e também tem função antioxidante, que evita a ação dos radicais livres nas células. Já em relação à pele, a vitamina A também tem sua participação na reparação dos tecidos do órgão e na manutenção da integridade das células.


A ausência da vitamina A no organismo pode causar um ou mais dos sintomas abaixo:


  • Cegueira noturna (um dos primeiros e principais sintomas);

  • Doença do olho seco (Xeroftalmia);

  • Perda parcial ou total da visão (casos graves);

  • Ressecamento da pele;

  • Infecções e lesões nos órgãos.


Complexo B


O complexo B é formado por um grupo de oito vitaminas que necessitam das funções umas das outras para que a função de cada uma seja exercida, ou seja, são dependentes entre si. Iremos abordar brevemente sobre cada uma delas.


Curiosidade: Você irá perceber que as vitaminas do complexo B seguem uma numeração após a letra, no entanto, há alguns números faltando na sequência, isso ocorre porque algumas substâncias que eram tidas como vitaminas no passado, posteriormente foram descobertas como sendo “não essenciais”, ou que podem ser produzidas pelo corpo de maneira suficiente.


Vitamina B1 (Tiamina)


A vitamina B1 age no sistema nervoso, na estimulação dos nervos periféricos. A tiamina também participa do metabolismo das proteínas, dos lipídios e dos carboidratos.


A insuficiência desta vitamina pode causar fraqueza e falta de energia, além de sintomas neurológicos, tais como perda de memória e, possivelmente, depressão. Uma deficiência desta vitamina em maior gravidade tende a causar a doença Beribéri, que trás sintomas como:


  • Nervosismo;

  • Irritação;

  • Fadiga;

  • Perda de apetite;

  • Perda de energia;

  • Insônia.


Um quadro grave da doença Beribéri pode levar à morte e trás sintomas como:


  • Dificuldade respiratória;

  • Insuficiência cardíaca;

  • Formigamento e dormência em algumas regiões do corpo;

  • Inchaço nas pernas e braços.


Vitamina B2 (Riboflavina)


A vitamina B2 é importante na formação das células vermelhas do sangue, também é essencial para o metabolismo dos lipídios, carboidratos e dos aminoácidos, além de manter as mucosas saudáveis e possuir ação antioxidante, combatendo os radicais livres.


A deficiência desta vitamina tende a causar fadiga, tontura, rachaduras nos lábios e nos cantos da boca e coceira nos olhos.


Vitamina B3 (Niacina)


A vitamina B3 ajuda na síntese dos lipídios e também da respiração, além disso, tem participação no metabolismo dos carboidratos e das proteínas.


Os benefícios são: ajuda no controle do colesterol, melhora da circulação sanguínea, produção de energia, melhor controle da diabetes e manutenção celular e da saúde de órgãos como boca, pele e olhos.


A deficiência mais grave desta vitamina pode causar a doença Pelagra, que causa diarreia, confusão mental e inflamações ou manchas na pele.


Vitamina B5 (Ácido Pantotênico)


A vitamina B5 tem participação no metabolismo celular, na produção de hormônios e das hemácias, assim como atua no controle do colesterol. A vitamina também favorece a cicatrização de feridas e a diminuição do cansaço.


A deficiência desta vitamina pode causar, entre outras coisas: fadiga, irritabilidade, insônia e dores musculares.


Vitamina B6 (Piridoxina)


A vitamina B6 tem participação no metabolismo das proteínas, dos carboidratos e lipídios, é importante para o bom funcionamento das funções cognitivas e também do sistema nervoso central, além de ajudar na formação dos glóbulos vermelhos e ajudar a manter a pele saudável.


A deficiência desta vitamina pode causar dermatite, rachaduras nos cantos da boca, dor na língua, confusão mental, anemia, irritabilidade, depressão e, em alguns casos, convulsões.


Vitamina B7 (Biotina)


Esta vitamina ajuda a manter a saúde da pele, das unhas, dos cabelos e também do sistema nervoso. Participa na formação dos ácidos graxos e ajuda no controle da diabetes.


Embora seja incomum, a deficiência da vitamina B7 pode causar desgaste e fraqueza nas unhas e cabelos, assim como ressecamento e inflamações na pele. Ainda é possível que ocorram dores musculares, aumento da glicemia e problemas neurológicos.


Vitamina B9 (Ácido Fólico)


Esta vitamina tem como principais funções o metabolismo dos aminoácidos e a síntese do DNA (essencial para o desenvolvimento do embrião, no caso de mulheres gestantes). Também auxilia na formação dos glóbulos vermelhos e é benéfico para o sistema imunológico, sistema nervoso e sistema cardiovascular.


A deficiência desta vitamina pode causar a má formação do feto em gestantes. Também pode causar anemia, fadiga, dificuldade para respirar, e descontrole do nível do aminoácido homocisteína, que em quantidade elevada, afeta negativamente o sistema cardiovascular.


Vitamina B12 (Cobalamina)


Esta vitamina ajuda na manutenção dos glóbulos vermelhos do sangue, participa da síntese do material genético das células e é necessária para o funcionamento normal do sistema nervoso.


A deficiência da vitamina B12 leva ao surgimento de anemia, lesões nos nervos, formigamento e fraqueza nos braços e pernas, dificuldade para andar e ausência de reflexos. Em casos mais graves podem ocorrer: confusão mental, paranoia, alucinações e comprometimento da função mental.


Vitamina C (Ácido Ascórbico)


A vitamina C é famosa por diversos benefícios, ela ajuda a fortalecer o sistema imunológico, ajuda na formação e manutenção dos ossos, pele, tecidos, tendões, ligamentos e vasos sanguíneos. Esta vitamina também auxilia na cura de ferimentos e queimaduras, evita a formação de placas nas artérias além de ter função antioxidante, ou seja, atua na proteção das células contra os danos causados pelos radicais livres.


Outros benefícios são:


  • Evita problemas de visão;

  • Melhora a absorção de ferro;

  • Previne e ajuda no combate de gripes e resfriados (devido ao fortalecimento do sistema imunológico);

  • Melhora o humor.


A deficiência da vitamina C pode causar perda de peso, irritabilidade, falta de definição muscular, dores musculares, irritabilidade e cansaço. Em casos mais graves, a deficiência da vitamina leva à doença Escorbuto, que trás os sintomas:


  • Hemorragia subcutânea;

  • Pele seca e áspera;

  • Dores musculares;

  • Cabelos secos, quebradiços e enrolados;

  • Gengivas com inchaço, coloração arroxeada e textura esponjosa;

  • Fragilidade e possível perda dos dentes;

  • Acúmulo de líquido nos membros inferiores;

  • Anemia;

  • Problemas nas articulações;

  • Maior ocorrência de infecções;

  • Maior dificuldade na cicatrização de ferimentos.


Vitamina D (Calciferol)


A vitamina D favorece a absorção de minerais como Cálcio e Fósforo no organismo, permitindo assim o funcionamento correto das células e a saúde dos ossos.


A deficiência desta vitamina pode causar espasmos musculares e fraqueza nos ossos. Em mulheres gestantes com deficiência em vitamina D, há uma maior chance de o bebê recém nascido ser portador de raquitismo, causando assim a má formação dos ossos. Em pessoas de idade mais avançada, a deficiência da vitamina D faz com que uma pequena queda ou lesão já seja uma causa de fraturas ósseas. A deficiência da vitamina está relacionada à osteoporose.


Curiosidade: Diferente das outras vitaminas, a vitamina D pode ser adquirida também através da exposição solar e não apenas através de alimentos de origem vegetal ou animal e frutas. Mas é importante ter cuidado pois a exposição excessiva ao sol ou a exposição em horários de pico é prejudicial à saúde e principalmente à pele.


Vitamina E (Tocoferol)


A vitamina E é conhecida por ter uma forte ação antioxidante, e esta é sua principal função.


A deficiência da vitamina E, embora seja rara, pode causar:


  • Anemia;

  • Fraqueza muscular;

  • Redução de reflexos;

  • Falta de coordenação.


Vitamina K (Filoquinona)


A vitamina K tem um papel importante na coagulação do sangue, e também participa na mineralização óssea, auxiliando assim no bom funcionamento da estrutura óssea do corpo.


A deficiência da vitamina K pode causar debilitação da estrutura óssea, além de hemorragias em órgãos tais como nariz, pele, estômago e intestino, e como consequência, podem ocorrer vômitos e urina com sangue, além de fezes escurecidas.


Agora que você já viu de forma resumida os benefícios de cada uma das vitaminas, sabe como elas são importantes para o bom funcionamento do corpo e da mente. Para que não haja uma deficiência ou uma quantidade insuficiente de qualquer das vitaminas no corpo humano, é importante ter uma dieta balanceada, consumindo alimentos de origem vegetal e animal, além claro, das frutas.


Para uma dieta ideal de acordo com o metabolismo e corpo de cada pessoa, é recomendável uma consulta com um médico nutricionista, assim poderá ser verificada a quantidade de cada vitamina no corpo e indicada a melhor dieta para devolver ou manter uma quantidade equilibrada e saudável das vitaminas no organismo.


Referências: Blog da Saúde (1, 2, 3, 4, 5), Manual MSD (1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9), Minha Vida (1, 2, 3, 4, 5, 6, 7), Tua Saúde (1, 2, 3, 4), Dr. Drauzio Varella



#CuidamosDissoPraVocê



Diga NÃO ao Fumo


"...O tabagismo não é algo pequeno ou não alarmante, talvez algumas pessoas pensem isso devido à grande quantidade de pessoas que são adeptas aos cigarros e devido à facilidade de encontrá-los em diversos pontos de vendas, mas o tabagismo é reconhecido como uma doença crônica, como resultado da dependência à nicotina, substância que está presente nos produtos que têm tabaco em sua composição, como o cigarro..."

Ler Mais


A Importância das Frutas na Alimentação


"...Muitas vezes usadas como sobremesa, outras vezes, como a primeira refeição do dia, ou como o lanche da tarde, as frutas são alimentos saudáveis, na maioria das vezes têm baixo teor calórico e são importantes na dieta. Elas ajudam na hidratação do corpo, possuem nutrientes que são essenciais para o organismo, ajudam a regular o intestino e ainda contribuem para o fortalecimento do sistema imunológico, auxiliando também na prevenção de doenças..."

Ler Mais

24 visualizações